Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Malta, Viagem

O Mercado de Peixes de Marsaxlokk, em Malta

A melhor coisa para fazer em Malta num domingo é, sem dúvida, ir ao mercado de peixe em Marsaxlokk.

Eu sei que estou bem atrasada nas postagens, mas antes tarde do que nunca, né?! Para quem não viu os posts anteriores, segue o link: Malta. E bora seguir viagem!

Marsaxlokk é um autêntico porto de pesca, com barcos de pesca coloridos chamados luzzu. Todos os domingos realiza-se na “orla” do porto um tradicional mercado de peixes. Mas não se deixe enganar pelo nome, lá é possível encontrar muitas outras coisas além de peixes e frutos do mar. É um típico mercado/feira de rua de final de semana Europeu: tem bugiganga, tem souvenir, tem comida de rua, tem entretenimento… além de um visual pitoresco e encantador.

Este mercado é enorme e geralmente lotado, provavelmente porque os souvenirs são mais baratos lá do que em Valletta. Também existem muitos bares e restaurantes ao longo do porto, perfeitos para o almoço – ou um café da tarde (foi o nosso caso). A maioria das opções serve peixes e frutos do mar, mas você também pode encontrar pizzas e sanduíches.

Para os interessados na parte pitoresca do principal mercado de peixes de Malta

O Mercado Marsaxlokk acontece todos os domingos e você deve ir o mais cedo possível. O horário ideal seria por volta das 6h30, quando você terá a oportunidade de ver o nascer do sol e ver alguns dos últimos pescadores chegando à baía. Os ônibus 82 (doca A7) e 85 (doca A6) saem às 5h30 da estação rodoviária de Valletta. Eles levarão você ao mercado em 45 minutos. O peixe fresco esgota-se rapidamente e a maioria das barracas de peixe fechará no final da manhã.

Um pouco de história…

Marsaxlokk é uma pequena aldeia bonita que vale a pena visitar, especialmente ao pôr do sol. O nascer do sol também seria um ótimo momento para tirar fotos, mas assim perde-se as fantásticas oportunidades gastronômicas ao longo da baía, e este local é um paraíso para os amantes de frutos do mar.

Este é o porto mais antigo de Malta – que é uma ilha composta principalmente por portos antigos. Foi aqui que os fenícios desembarcaram pela primeira vez e estabeleceram entrepostos comerciais para as suas mercadorias que eram transportadas do Oriente para o Ocidente. Há muito que perdeu importância – primeiro para Mdina, depois para as três cidades – Birgu, Senglea e Cospicua, e depois para Valletta. No entanto, continua longe de ser esquecido. Hoje, está entre as atrações turísticas mais populares das ilhas maltesas.

O que há de verdadeiramente único em Marsaxlokk é a sua baía repleta de barcos coloridos, além da arquitetura de inspiração colonial, mista com elementos mouriscos.

Particularmente, adoro visitar esse tipo de local e o de Florença está entre os meus favoritos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.